Cristina Ferreira usou as redes sociais para argumentar que através da sua entrevista com Maria das Dores, condenada a 23 anos por ter mandado assassinar o marido, não faz com que esteja a defender a sua inocência.

Como vimos no Boas.pt, Cristina escolheu Maria para ser capa da rua revista e foi arrasada nas redes sociais por, aos olhos de alguns seguidores, estar a defender Maria das Dores na entrevista. Em resposta, Cristina publicou várias frases.


Estas dizem que ouvir uma assassina, maquilha-la, e respeitar a sua dignidade não são o mesmo que faze-la de inocente. As suas frases diziam também que "reflectir, pensar, equacionar, perceber como funciona a mente, é evoluir."

As criticas, no entanto, continuaram. Uma seguidora escreveu:
"Ela já falou em tribunal porquê ouvi-la aqui? Para estes casos devia haver a pena de morte. O marido está debaixo da terra e ela aqui fresca que nem uma alface. O filho deve ir lá aplicar-lhe botox."
Outra acrescentou que quem ouve os assassinos são os tribunais.


(Carregue para aumentar)


Autor: author Tiago Palha

Siga-nos nas redes sociais: Facebook | Twitter

0 comments:

Enviar um comentário