Cristina Martins foi uma das caras mais conhecidas e queridas da televisão portuguesa, tendo desempenhado a função de assistente no programa “O Preço Certo” da RTP1 durante 9 anos.

Muitos talvez já não se lembrem, mas o programa, produzido agora pela FremantleMedia Portugal, chegou pela primeira vez à televisão portuguesa em 1990, representando a adaptação nacional do famoso programa Norte-Americano “The Price is Right”.

A primeira versão do programa foi transmitida de 1990 a 1993, tendo depois sido retomado em 2002, sob o nome “O Preço Certo em Euros.” Nas suas primeiras versões, o programa foi apresentado por Carlos Cruz, e logo a seguir por Nicolau Breyner, que em 2002 veio a ser substituído por Jorge Gabriel, e que passado 1 ano de trabalho como apresentador deu lugar ao humorista Fernando Mendes. Este é hoje o apresentador mais icónico da história do programa, e altamente influente no seu sucesso - e com um salário a condizer.

A popularidade de Cristina Martins

O Preço Certo é um dos programas com mais longevidade da história da televisão portuguesa, sendo, desde a sua primeira versão transmitido quase diariamente. A popularidade de Cristina Martins enquanto assistente do programa deve-se exatamente ao fato de que, durante quase uma década, chegou-nos até nós numa base diária, assistindo Fernando Mendes na apresentação de uma das produções audiovisuais mais famosas e bem sucedidas alguma vez lançadas por um canal português.

Ainda que a lembrança mais presente que temos de Cristina seja ao lado de Fernando Mendes, ela foi integrada na equipa do programa antes mesmo do lendário humorista, tendo primeiro servido como assistente de Jorge Gabriel, juntamente com Andreia Fernandes.

Assim que Fernando Mendes entrou, Andreia Fernandes saiu e deu lugar à famosa Lenka da Silva. Juntas, ficaram, durante quase uma década, conhecidas como as meninas do Preço Certo.

A sua participação no programa sempre foi limitada, resumindo-se a auxiliar Fernando Mendes no necessário. No entanto, o seu carisma e simpatia acabaram por conquistar de imediato as audiências, fazendo dela uma figura muito popular e querida do público português. Anos depois da sua partida, muitos ainda a relembram como a melhor assistente que o programa teve até hoje.


 
Ainda que seja conhecida pelo seu trabalho no Preço Certo, e a sua experiência televisiva não seja, de fato, muito diversificada, muitos não sabem que Cristina Martins trabalhou na TVI antes de ter sido contratada pela RTP1, desempenhando a função de “sombra” na primeira edição do Big Brother. Sendo uma função sem visibilidade televisiva, é natural que a maioria desconheça este facto.

Em 2010, com apenas 32 anos de idade, Cristina Martins decidiu abandonar o programa e dar um rumo diferente à sua vida, sendo assim substituída por Lúcia Carvalho, depois de uma despedida muito emotiva em direto.

A saída deveu-se a motivos familiares, de acordo com a explicação dada por Cristina Martins. Na altura o seu marido encontrava-se a trabalhar na área da banca, em Londres, tendo insistido para que a família ficasse reunida, o que implicaria a saída de Cristina do programa. Se tal não acontecesse, acabaria por ser um casamento à distância, o que, a pouco tempo do nascimento do primeiro filho do casal, não seria nada favorável para a construção de uma família.

Apesar da sua partida, Cristina afirma continuar a ter contacto com parte da equipa do Preço Certo. O destaque vai para o próprio Fernando Mendes, que segundo a ex-assistente, já foi visitá-la, e chega mesmo a ligar-lhe com muita regularidade para saber como está a sua filha.

Só por aqui é fácil perceber que, depois de quase uma década de contacto diário, Fernando Mendes e Cristina Martins construíram uma bonita amizade, que mesmo com uma distância significativa entre eles, esforçam-se para preservar.

Autor: author admin

Tiago Palha é um redator apaixonado por tudo o que tem a ver com o mundo das celebridades, tecnologia gastronomia, e muito mais. Siga-o nas redes sociais: Facebook | Twitter
Seguinte
Este é o artigo mais recente.
Anterior
Mensagem antiga

0 comments:

Enviar um comentário